língua

lín.gua
substantivo feminino
1.
órgão mais ou menos musculoso e móvel, tipicamente alongado, existente na cavidade bucal, que serve para a degustação e a deglutição e, no ser humano e em alguns animais, tem um papel importante na articulação dos sons
2.
(aves) hipofaringe
3.
sistema constituído por palavras e por regras gramaticais que permitem a construção de frases e que é usado como meio de comunicação, falado ou escrito, pelos membros de uma mesma comunidade linguística; idioma
4.
objeto (ou parte dele) com a forma daquele órgão
5.
ZOOLOGIA parte da armadura bucal de alguns insetos
6.
ZOOLOGIA solha (peixe) que aparece nas costas marítimas portuguesas e também é chamdo de língua-de-vaca. Semelhante ao linguado, mas de tamanho menor, no Brasil já foi encontrado em rios de Goiás.
substantivo masculino e feminino
antiquado intérprete; tradutor
língua comprida/ língua afiada/ língua de trapo
a língua do maledicente
língua de prata/ língua de palmo/ língua de palmo e meio
pessoa maldizente
língua d´ oc
língua românica que se falava, na Idade Média, no Languedoque (Languedoc), região da França ao sul do Loire, compreendendo os dialetos provençal, limusino e gascão
língua d´oïl
língua românica falada, na Idade Média, a norte do rio Loire, na França, compreendendo os dialetos normando, anglo-normando e picardo
língua gestual/ língua de sinais
língua com regras gramaticais e vocabulário próprios, expressa por gestos, especialmente das mãos, utilizada geralmente por pessoas com dificuldades auditivas
língua materna
língua adquirida por um falante na primeira infância (dos 0 aos 3 anos), em ambiente natural
língua morta
língua que já não é usada por nenhuma comunidade linguística mas que é conhecida através de documentos escritos
língua viperina
pessoa maldizente
dar com a língua nos dentes
falar muito, ser indiscreto
não ter papas na língua
falar sem rodeios, dizer tudo o que pensa, ser franco
saber alguma coisa na ponta da língua
saber alguma coisa muito bem ou de cor
ter alguma coisa debaixo da língua
estar quase a lembrar-se de alguma coisa
ORIGEM DA PALAVRA|Do latim lingŭa-
Exemplos complementares
Exemplos tirados da internet, não verificados pela equipe editorial
Exemplos complementares - up
  • À beira da Fontana di Trevi, o cortejador se apresenta e, em sua própria língua, despeja uma enxurrada de galanteios.
  • A Catalunha é parte da Espanha, mas tem uma história e língua particulares, além de se ressentir de contribuir mais aos cofres públicos do que recebe em repasses.
  • A graça maior de observar a língua com olhar clínico é flagrar aquele momento em que uma nova configuração fica evidente na paisagem falsamente congelada.
  • A língua maia é poética e apresenta uma visão particular da vida: o nosso pulso, por exemplo, é nomeado de coração da mão.
  • A língua não consagra caprichos nem aceita pedantismo.
  • A língua nativa é difícil de ser compreendida por estrangeiros.
  • A língua oficial é o francês, mas a que predomina é o creole guianense francês.
  • A língua portuguesa não é uma moçoila virginal ameaçada pela avalanche de palavras inglesas.
  • A língua que destrói os corpos não é só a de quem atira, mas de quem escreve nos jornais dizendo que você é clandestino.
  • A xenomania leva o sujeito a gostar do ruim porque tem um rótulo estrangeiro e a menosprezar o melhor porque tem um rótulo com texto em sua própria língua.
  • Adolescente magro, negro, aparelho colorido nos dentes, piercing na língua e sempre de óculos com lente espelhada e boné na cabeça.
  • Aqui, imigrantes podem aprender a língua flamenga e receber conselhos sobre questões administrativas do dia a dia.
  • Assim, egressos dos melhores lugares apresentam dificuldade com o uso da língua oral e escrita, além de empacar em operações quantitativas básicas.
  • Assim, o tradutor leva o texto traduzido a falar em outra língua, em outra época, em outro lugar, com outras maneiras de poetar.
  • Até ontem, a historiadora o havia mostrado apenas a um seleto grupo de especialistas em papirologia e na língua copta.
  • Até porque, além de pobrezinha, Abelim tinha a língua presa e falava de um modo gozado.
  • Atualmente no corpo docente da Universidade de Brasília (UnB) coordena a pesquisa da língua xeta, falada por apenas três homens, e entendida por uma mulher, no Paraná.
  • Avaliação da Educação Básica (Saeb), com exames de língua portuguesa e matemática.
  • Bactérias da superfície da língua de uma pessoa aumentadas 6 mil vezes, em imagem feita com a técnica de microfotografia eletrônica por varredura.
  • Bactérias, um monte delas, fermentando a vermelhíssima conserva que tremelica a língua com sua picância.
  • Chega de charivari, ou dá com a língua no dente ou sabe então como é, vai ter que sambar no pé em plena Sapucaí.
  • Com prática, Andreas Hörger corta, então, a carne e salpica uma fatia da língua com uma pitada de sal.
  • Compreensível: não é sempre que se conjugam estes dois prazeres dos chatos, policiar a língua e a vida amorosa dos outros.
  • Conrad aperfeiçoou seu conhecimento em língua inglesa ao longo dos 20 anos em que trabalhou como marinheiro.
  • Cria arranjos ocidentalizados para a música tradicional de seu país, em língua bambara e mandinka.
As frases de exemplo refletem o uso da palavra pesquisada e foram selecionadas automaticamente a partir de diferentes fontes online. O conteúdo das frases não é controlado nem representa a opinião do meudicionario.org ou dos seus editores.

Palavras começadas por